Parceria

Parceria
Parceria com o site COMUNIQUEIRO - Preparatório para concurso público de Comunicação Social

sexta-feira, 25 de setembro de 2015

CRISE X DESEMPREGO

                                            

Por: Daniela Uejo


Nos últimos meses, amigos têm me procurado para encaminhá-los algumas vagas de emprego, isso tem me chamado a atenção, pois são muitos. Pessoas que jamais imaginei amargarem essa situação, por serem tão competentes, começam a se deparar com esse fantasma, infelizmente. E nessa crise, onde a taxa de desemprego só aumenta, o resultado de inúmeros impostos só atrapalha o mercado de trabalho. Se o imposto não for pago a empresa é prejudicada, logo a demissão de funcionários é certa nessa corda bamba.


O desemprego começou a bater à porta dos brasileiros com mais intensidade este ano. Entre maio do ano passado e maio deste ano, o desemprego subiu de 4,9% para 6,7%, segundo o Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE). E a intensidade desse crescimento foi mais forte entre os jovens de 18 a 24 anos.


É óbvio que esses dados não atingem somente a esta faixa etária, pois em meio à crise, pasmem!! Até mesmo aposentados estão à procura de emprego... E entrar nessa maratona pode significar muita coisa. Quer dizer que toda a sua experiência, seja ela acadêmica, profissional ou intelectual precisa ser somada para transformar aquela vaga em uma mudança de vida. Sentir-se nervoso na entrevista de emprego, torna-se um pesadelo, já começa a vir à mente tudo o que aquela vaga pode significar ou como será frustante não ser o escolhido. Quando você tem família tudo fica ainda mais complicado, o pensamento voa nos filhos e no quanto eles podem ser beneficiados. Ser selecionado é como se fosse um prêmio que tem que ser cultivado a cada dia, pois em meio à crise, na ocasião da escolha em demitir um funcionário ou outro, conta muito como você se porta e acima de tudo, como trata as pessoas.


É tão estranho, saber que existem pessoas que adoram esmagar às outras, com sua imensa crise de hipocrisia de provar ser o melhor em tudo. No mercado de trabalho saber muito é realmente imprescindível, entretanto, dar um oi ao porteiro e à moça da limpeza fazem toda a diferença. Tive o prazer, embora sendo tão joven, de ter chefes fabulosos que me ensinaram que acima do meu conhecimento está como vejo as pessoas, e sobretudo , como elas me vêem como ser humano. Porque o emprego pode mudar, nossa posição na sociedade também, mas a maneira com que outras pessoas são movidas pelas nossas pequenas atitudes, pode realmente transformar a nossa vida. O mundo dá muitas voltas, aquela pessoa que você menos imagina, pode lhe estender a mão em um momento crucial do seu existir.

Nenhum comentário:

Postar um comentário